Logo

Busque por notícias em:
2018
2017
2016
2015
2014
2013
2012
2011

Notícias

  • Sinu 2018

    Na noite de ontem (13) deu-se início a segunda Simulação das Nações Unidas (SINU). Esse ano as discussões do Conselho de Segurança  giram em torno do tema “Os conflitos na Península Coreana e a proliferação nuclear” .

    O professor responsável pelo projeto, Jefferson Martins, junto da mesa diretora, realizou um breve discurso. Ele explicou o desenvolvimento da SINU dentro da Rede Jesuíta de Educação (RJE) e mostrou os aprendizados transmitidos aos participantes do evento.

    A abertura do evento também contou com um discurso da professora Suzana Costa Coutinho, que fez uma análise com o público sobre as consequências causadas por genocídios ocorridos no século XX. Ela citou vários exemplos, os quais foram reforçados com as belíssimas apresentações do Comitê de Cultura.

    O Comitê retratou problemas históricos enfrentados por países como Brasil, Rússia, Alemanha, Noruega e Estados Unidos da América.

    A primeira apresentação realizada pela aluna Paolla Rosa cantando a música ‘’Roda vida’’ de Chico Buarque, representando a situação do Brasil durante a ditadura militar.

    Em seguida, o país representado foi a Rússia. O problema do desmatamento foi traduzido por uma apresentação teatral . Algumas alunas retratam uma conversa em que todas elas acham o desmatamento sem necessidade e absurdo. Uma frase que marcou a apresentação foi ‘’O demônio da destruição está dentro de todos nós’’.

    Em sequência, o Nazismo na Alemanha foi abordado também através de um teatro.  Duas alunas representam uma juíza e uma soldada nazistas mostrando claramente o antissemitismo.

    Na apresentação sobre a Noruega, os alunos retrataram a corrupção através de um diálogo em uma família onde o pai era corrupto, apoiado pela mulher e a filha.

    Por fim, na apresentação sobre os EUA,  aborda-se o tema da Guerra do Vietnã, que é comparada com um romance proibido entre uma vietnamita e um soldado norte americano. Essa comparação mostra a forma ruim que os dois acontecimentos terminaram. No teatro o romance interpretado conta a história do soldado Cris que precisa ir à guerra, mas não quer deixar sua amada.

    Comitê de imprensa - SINU 2018

    Saiba mais em http://sinu.etefmc.com.br/